segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Dúvidas


Hoje, findo o 15º Porto Alegre em Cena, paro prá pensar...
Após assistir a alguns vários espetáculos - regionais, nacionais e internacionais - vou dormir com algumas coisas martelando minha cabeça:
Qual a real função do teatro hoje no mundo?
Por que a insistência em criarmos ídolos para depois venerarmos?
O teatro que eu venho fazendo é inferior aos espetáculos da programação do Festival?
Por que o teatro que eu venho fazendo não é digno de ser apresentado no Festival?
Por que não discutimos sobre o Festival; sobre seus objetivos, suas realizações, suas marcas?
Vou dormir, tentando sonhar com trabalhos lindos como "Amores Surdos" e "Os Bandidos". Tentando não esquecer de espetáculos interessantes como "Antes" e "Anticlássico".
Tentando esquecer que perdi Peter Brook e Nekrosius...
Tentando imaginar um festival menos partidário, menos puxa-saco . Um Festival que consiga trazer espetáculos inesquecíveis como vem fazendo (vide "Les Ephemères", "Hamlet", "Endstation Amerika", "Ensaio.Hamlet", "Cuentos Pequeños" dentre outros), mas que seja menos egocêntrico.
Será possível?




Postar um comentário

Leia também!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...