quarta-feira, 28 de julho de 2010

I Encontro Estadual de Circo, Dança e Teatro do Rio Grande do Sul: resoluções

No último sábado (24/07) Porto Alegre foi palco do I Encontro Estadual de Circo Dança e Teatro do RS. Mais de 150 artistas e produtores da capital e de 25 Municípios do Estado reuniram-se para a apresentação por convidados do MINC e FUNARTE do Fundo de Circo, Dança e Teatro/2010. O encontro promovido conjuntamente pela Associação Gaúcha de Dança/ASGADAN e Sindicato dos Artistas e Técnicos/SATED-RS contou com apoios importantes, como Santander Cultural, Conselho de Dirigentes Municipais de Cultura do RS/CODIC, Federação das Associações dos Municípios do RS/FAMURS, Rede Circo Sul, Rede Brasileira de Teatro de Rua/RS, Palco Fora do Eixo, Licenciatura em Dança UFRGS, Licenciaturas em Dança e Teatro UFPEL, Representação Regional Sul do MinC, Secretaria Municipal de Cultura de Porto Alegre e Mais Teatro.

Representando o MINC estiveram no encontro Marcelo Veiga (Coordenador-Geral do CNPC), que apresentou o Sistema Nacional de Cultura e Kleber Rocha (Diretor da SEFIC), que participou da discussão do Fundo Nacional de Cultura e sua nova estrutura de gestão. O Presidente da FUNARTE, Sérgio Mamberti, honrou o evento com sua presença apresentando a nova proposta do Fundo Nacional de Cultura e sua divisão em Fundos Setoriais. Marcelo Bones, Diretor do Centro de Artes Cênicas da FUNARTE, apresentou especificamente os programas e editais do Fundo de Circo, Dança e Teatro/2010. Bones, após sua apresentação, foi questionado sobre valores a serem destinados a cada área e principalmente quanto à distribuição regional dos recursos e à composição das comissões de seleção, já que os editais serão comuns às áreas de circo, dança e teatro.

O objetivo principal do Encontro foi a descentralização do acesso a esses editais e programas, pois nos estados nos quais não há a organização de produção cooperativada ou associativa, como ocorre no RJ e SP, por exemplo, as informações referentes aos editais não circulam de forma tão ampla para artistas e produtores.

A idéia de realizar o Encontro surgiu à partir da análise das estatísticas dos editais da FUNARTE de Teatro – Prêmio Myriam Muniz, de Circo – Prêmio Carequinha e de Dança - Prêmio Klauss Vianna, pois percebeu-se que o número de inscritos nestes editais não estaria refletindo a produção artística no país, ainda que considerando as diferenças regionais.

Na busca desse objetivo foram incrementadas as ações no interior do estado do RS, através da organização de encontros com artistas e gestores nos municípios, fomentando a discussão sobre a criação e composição de Conselhos Municipais de Cultura, criação de Colegiados Setoriais e elaboração de Planos Setoriais nos Municípios (o próximo encontro será em Pelotas, nos dias 05 e 06 de agosto).

As entidades realizadoras do Encontro estão conduzindo suas ações no RS no sentido de chamar à ação os municípios e o estado, a partir da demonstração da sua organização, demonstrando a força da sociedade civil na construção de políticas públicas que consolidem a participação das três esferas de estado no desenvolvimento das artes e da cultura.

Foi possível perceber que a alteração do nome do fundo de artes cênicas para fundo de circo, dança e teatro aproximou os artistas dessas três áreas, que sentiram-se plenamente incluídos no debate e contemplados nas falas dos convidados. Pela primeira vez no Rio Grande do Sul estiveram juntos, o circo, a dança, e o teatro, numa ação política que envolveu a União e os Municípios, discutindo o Sistema Nacional de Cultura e o papel dos Municípios, dos Estados e da União Federal na implementação de políticas públicas para as artes.

Os gestores municipais, artistas e produtores demonstraram sua disponibilidade e vontade de participar, pois o encontro contou com participações de representantes não só da capital e região metropolitana, mas de municípios das fronteiras com Uruguai e Argentina, do centro, da serra e do sul do Estado.

O I Encontro Estadual de Circo, Dança e Teatro do RS reafirmou o valor das ações coletivas quando todos podem contribuir e ao mesmo tempo protagonizar a discussão política.



Associação Gaúcha de Dança – ASGADAN

Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do RS – SATED/RS
Postar um comentário

Leia também!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...