quarta-feira, 11 de maio de 2011

Breves excertos das breves entrevistas com homens hediondos

"Pois sabe, na fantasia masturbatória eu possuo um poder sobrenatural, um poder da mente, cuja origem e mecânica nunca são elaboradas, permanecendo misterioso até para mim que possuo esse poder secreto e posso utilizá-lo à minha vontade, um poder com o qual certo olhar expressivo, altamente concentrado de minha parte, dirigido à mulher que era objeto dele, a torna irresistivelmente atraída por mim. O componente sexual da fantasia, enquanto eu me masturbo, prossegue para revelar essa mulher escolhida e eu copulando em variações de frenesi sexual em cima de um colchonete de exercício no centro da sala."
Postar um comentário

Leia também!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...