quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Sarcáustico recomenda!!!!!


O Linguiceiro da Rua do Arvoredo

“O Linguiceiro da Rua do Arvoredo” – Foto: Divulgação
“O Linguiceiro da Rua do Arvoredo” – Foto: Divulgação
Baseado em um das mais famosas lendas urbanas de Porto Alegre, o espetáculo O Linguiceiro da Rua do Arvoredoestreia, nos dias 11 e 12 de agosto, no Theatro São Pedro, na capital gaúcha. Com dramaturgia original de Daniel Colin e Felipe Galisteo e trilha sonora de Lauro Pecktor e Bruno Westerman, a peça foi uma das contempladas no Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2011. No elenco estão Ursula Collischonn, no papel de Catarina, Leandro Lefa como José Ramos e Denis Gosch como Carlos Claussner. O coro é composto pelos atores Dani Dutra, Diana Manenti, Douglas Dias, Francis Padilha, Ike Zimmer, Kaya Rodrigues e Maíra Prates.
O episódio – conhecido como “Os crimes da Rua do Arvoredo” – ocorreu em 1864 e até hoje está presente no imaginário dos porto-alegrenses. O português José Ramos e sua mulher, Catarina, são acusados de vários assassinatos. O lado sombrio da história está na versão de que o casal, com o auxílio do açougueiro alemão Carlos Claussner, transformava as vítimas em linguiças que eram vendidas à população. Afinal, o fato realmente ocorreu ou tudo não passa de lenda? De acordo com o historiador Décio Freitas, autor do livro O Maior Crime da Terra, os processos criminais estão incompletos, faltam folhas, são todos manuscritos em português arcaico, de difícil leitura. E, se realmente a história é verdadeira, nunca se saberá pois somente as folhas que faltam nos autos poderiam dar algum indício sobre a veracidade dos fatos.

Serviço
O Linguiceiro da Rua do Arvoredo
Contemplado no Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2011
Dias 11/08 – sábado, às 21h e 12/08 – domingo, às 18h
Theatro São Pedro (Praça da Matriz – Porto Alegre/RS)
INGRESSOS: Ingressos no local a partir do dia 25/07/12
R$ 20,00 plateia baixa
R$ 15,00 camarotes centrais e cadeira extra
R$ 10,00 camarotes laterais e galerias
Ficha Técnica
Dramaturgia: Felipe Vieira de Galisteo e Daniel Colin
Direção Geral: Daniel Colin
Trilha Sonora Original: Bruno Westerman e Lauro Pecktor
Assistente de Direção: Júlia Rodrigues
Elenco:
Ursula Collischonn como Catharina Palse
Leandro Lefa como José Ramos
Denis Gosch como Carlos Claussner
Dani Dutra
Diana Manenti
Douglas Dias
Francis Padilha
Ike Zimmer
Kaya Rodrigues
Maíra Prates
Direção de Produção: Carol Zimmer
Preparação Vocal: Francis Padilha
Coreografia: Tatiana Mielczarski
Preparação Corporal: Tatiana Mielczarski e Denis Gosch
Figurino: Létz Pinheiro
Assistente de Figurino: Helene Biehl
Costureira: Odir Aquino
Maquiagem: Cristiane Figueiredo
Cenografia: Lara Colletti
Cenotécnica: Claros Cenografia
Projeção: Paula Pinheiro
Iluminação: Carol Zimmer
Operação de Luz: Casemiro Azevedo
Divulgação: Paula Pinheiro
Mídias Sociais: Vinícius Zimmer
Assessoria de Imprensa: Suzana Pohia
Produção Executiva: Lu Bitello / Engenho da Arte


SR. KOLPERT

espetáculo estreia dia 10 de agosto, no Instituto Goethe, com entrada franca

Luiza Medonça

Vencedor da edição 2012 do concurso para novos diretores, o espetáculo Sr. Kolpert tem a direção assinada por Tainah Dadda e marca a estreia nos palcos brasileiros do texto homônimo do dramaturgo alemão David Gieselmann. A montagem estreia no dia 10 de agosto e segue em cartaz até dia 26, de sextas a domingos às 20h, no Instituto Goethe com entrada franca.

Nessa comédia de humor negro, um jovem casal recebe convidados para um incomum jantar, levando-os a crer que cometeram um assassinato e esconderam o corpo da vítima em sua sala. Na encenação, os limites entre brincadeiras inconsequentes e verdades cruéis se confundem através dos jogos entre os atores e a troca de seus personagens, revelando um universo brutalizado, em que o desgaste das relações, o tédio e vazio alimentam o apetite por violência. No elenco estão Joana Vieira, Juçara Gaspar, Lucas Sampaio, Magda de Oliveira e Thiago Prade.

O Concurso para novos diretores é promovido pela Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre em parceria com o Instituto Goethe. Na estreia do dia 10, também será anunciado o vencedor da Bolsa Ivo Bender de Incentivo à Criação Dramaturgica, também promovida por essa parceria.

SERVIÇO:
SR. KOLPERT

de 10 a 26 de agosto
sextas, sábados e domingos às 20h
Instituto Goethe
Rua Vinte e Quatro de Outubro, 112 - Bairro Moinhos de Vento
ENTRADA FRANCA


INCIDENTE EM ANTARES


De 08 a 19 de agostoDe quarta a domingo


Sala Álvaro Moreyra, às 20h
Dezembro de 1963. Acidade gaúcha de Antares é paralisada pela greve geral dos trabalhadores. Dois dias depois, em uma sexta-feira 13, sete pessoas morrem por diferentes causas e não são sepultadas, pois os coveiros aderiram à greve. Indignados, os defuntos levantam-se de seus esquifes e reclamam por seu enterro, invadindo a cidade com seus corpos putrefatos.

Elenco: Anildo Michelotto,Celso Zanini, Elielto Rocha, Filipe Rossato, Isandria Fermiano, Kalisy Cabeda, Marina Kerber, Martina Fröhlich, Mirah Laline, Natália Souza, Philipe Philippsen, Rita Maurício, Rodrigo Fiatt
Figurinos: Rô Cortinhas
Cenografia: Grupo Cerco e Élcio Rossini
Iluminação: Mirco Zanini
         Trilha sonora: Celso Zanini, Philipe Philippsen e Martina Fröhlich.
         Dramaturgia Original: Celso Zanini, Filipe Rossato, Kalisy Cabeda e Philipe         Philippsen (adaptação da segunda parte do romance homônimo de Érico Verissimo)
         Produção: Inês Marocco, Isandria Fermiano e Martina Fröhlich
Adaptação e criação: Grupo Cerco
Crédito da foto: Elissa Brito
Postar um comentário

Leia também!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...